Central de Atendimento |  [12] 3322-8253

Como controlar Blatella germanica em restaurantes

Postado por Valeprag em 01/09/2019

Quem não gosta de ir a um bom restaurante, saborear um vinho de qualidade, compartilhar da companhia de familiares e amigos.

No entanto, você já parou para pensar na importância da ação das controladoras de pragas nesses ambientes para a sua segurança alimentar?

Por isso viemos conversar sobre a Blatella germanica que é uma barata pequena, de corpo achatado, reprodução e ciclo de vidas rápidos.

As Blatelas gostam de ambientes quentes, úmidos e com oferta de alimentos.

Por estas razões as cozinhas industriais são ambientes especialmente favoráveis para a infestação da praga.

Assim, as controladoras de pragas, as populares “dedetizadoras” buscam sempre ajudar a eliminar os quatro “Á”s que favorecem o desenvolvimento de uma infestação: Acesso, Abrigo, Alimento e Água.

Vamos conversar mais sobre como controlar blatella germanica em restaurantes?

Não deixe de conferir nossa publicação: a verdade sobre o controle de Blatella germanica.

Para isso devemos conhecer um pouco mais sobre a biologia desses animais e as ações necessárias para termos um bom controle de blatella germanica em cozinhas industriais.

Quais são os quatro “Á”s do controle de pragas e como identificá-los na cozinha industrial?

Acesso: o primeiro Á do controle de pragas é o acesso da praga ao local. O que pode ser evitado de forma simples em outros ambientes, é uma grande dificuldade na cozinha industrial de um restaurante.

Em ambientes diversos, um rodo de porta, uma janela fechada ou medidas mais simples pode evitar o acesso das pragas para o interior do estabelecimento.

Entretanto, na cozinha profissional, existe grande movimentação de mercadorias e produtos

E esta é a principal fonte de contaminação, pois trazem ootecas de baratas nas embalagens iniciando inegavelmente uma infestação.

Abrigo: como as baratinhas são pequenas, assim como possuem o corpo achatado, se abrigam em qualquer frestinha.

Azulejos rachados, rebocos, conduítes, espaços entre o inox e a alvenaria, rachaduras, são esconderijos perfeitos.

Alimento: antes de tudo, é o que há de mais farto na cozinha industrial.

Água: bem como os alimentos, o vapor da cocção e a água da limpeza diária tornam abundante este elemento.

O que é a ooteca da barata?

As baratas, tanto a Blatella germanica, a Blatta orientalis quanto a Periplaneta americana, assim como outras espécies, possuem uma estrutura que protege um grande números de ovos. Esta estrutura comporta, no caso das Blatelas, cerca de 35 ovos. Dessa maneira, uma única ooteca introduz no ambiente 35 ou mais novos indivíduos que irão amadurecer e se reproduzir rapidamente.

Só para ilustrar, uma população de mil baratas a partir de uma única ooteca se estabelece em 45 dias.

Principais espécies de baratas

Blattaria é uma subordem de insetos que são popularmente chamadas de baratas.

São cosmopolitas, e menos de 1% das espécies são sinantrópicas, ou seja, vivem junto ao homem.

O principal problema das é a sua atuação como vetores mecânicos de diversos patógenos (bactérias, fungos, protozoários, vermes e vírus).

As baratas são responsáveis pela transmissão de várias doenças, através das patas e fezes deixadas nos locais onde passam.

Por isso são consideradas perigosas para a saúde das pessoas.

De fato, a blatela é citada como a barata de maior importância econômica.

Sendo uma das pragas urbanas de controle mais desafiador para as dedetizadoras.

Como é feito o controle de Blatella germanica em restaurantes?

O controle de blatelas nos restaurantes deve ser realizado com uma ação inicial para estabilização da população.

Esta ação inicial deve ser realizada em três etapas fundamentais, que chamamos de aplicações semanais.

Na primeira aplicação, buscamos efeito choque, em que são utilizadas formulações químicas com alta performance em efeito knock down, buscando eliminar o maior número possível de indivíduos adultos e ninfas de 1°, 2° e 3° ínstares.

A intenção é reduzir ao mínimo possível a população da praga alvo.

Na segunda aplicação, buscamos introduzir princípios ativos com efeito transferência.

No efeito de transferência, as pragas não percebem a ação da química e contaminam outros insetos, eliminando as colônias.

Na terceira aplicação, utilizamos o efeito inibidor de crescimento, com elevado poder residual.

Nesta fase, buscamos expor as blatelas a princípios ativos que inibem a síntese de quitina, a base para a produção de queratina e os princípios ativos aceleradores de ecdises, que é a muda dos insetos.

Com isso buscamos destruir o exoesqueletos dos insetos e dificultar morfologicamente seu desenvolvimento.

Após este trabalho, inicia-se a fase de manutenção, em que o controle de Blatella germanica em restaurantes deve ser feito em frequência minimamente mensal, para evitar uma nova infestação. A ideia é que a população esteja sempre controlada e uma equipe de profissionais esteja monitorando o ambiente para evitar uma explosão demográfica.

Porque não podemos aplicar tudo de uma vez só?

Ao realizar o controle de Blatella germanica em restaurantes, a frequência é um dos pontos mais importante com o fim de obtermos resultados satisfatórios.

Isto porque a química não consegue penetrar na carapaça de queratina dos insetos.

Dessa forma os inseticidas penetram no organismo da praga alvo pelas articulações, pela ingestão ou pela respiração.

Acontece que a ooteca não tem articulação, não ingere nada e nem respira.

É um estágio em que as baratas estão super protegidas.

Desta forma, é fundamental aguardar a eclosão das ootecas para realizar o controle.

Somente depois que as ootecas eclodem a química consegue agir.

Sem este cuidado, o controle de Blatella germanica em restaurantes, com toda a certeza, não será eficaz.

Para agir com o propósito de otimizar resultados, contrate uma controladora de pragas para o controle de Blatelas.

Conheça um pouco mais sobre o trabalho da VALEPRAG.

Serviços de dedetização de baratas, desratização, descupinização e dedetização de escorpiões, da mesma forma prestamos serviços de desentupimento de pia, desentupimento de esgoto, desentupimento de fossa e desentupimento de vaso.

De fato, atuamos em todo o Vale do Paraíba, mas especialmente em São José dos Campos, Jacareí, Caçapava e Taubaté. Ligue e confira nossos serviços.

Nossos biólogos são especialistas em controle de baratas, aranhas, cupins, escorpiões, formigas. Não perca tempo, faça um tratamento eficiente contra Blatelas.

Compartilhe:

Gostaria de mais informações sobre controle de pragas, desentupimento ou limpeza de reservatórios de água ?

Nossa equipe esta pronta para atendê-lo




Ex: (12)9999-9999

whatsapp